Controle de pulgas


Se você tem um cachorro ou um gato, provavelmente precisará se livrar de pulgas pelo menos uma vez. Aqui daremos algumas sugestões para ajudá-lo nesse desafio.

Fique de olho no seu animal de estimação

Observe se seu pet apresenta sinais ou sintomas comuns de uma infestação de pulgas como mordidas e arranhões excessivos, principalmente ao redor da cauda e na região lombar. Verifique se há manchas na pele onde seu cão ou gato possa estar coçando pulgas há algum tempo. Outra evidência são os "restos de pulgas", manchas de sangue seco na cor preta.


Coleiras e pós anti-pulgas

Se você constatar o problema relativamente cedo, pode ser que consiga eliminar as pulgas simplesmente usando coleiras ou pós anti-pulgas. Existem várias marcas e tipos à sua escolha, e muitos contêm um pente especial com dentes finos, projetado para remover pulgas de pelos.


Banhos contra pulgas

É útil banhar seu animal de estimação com frequência usando um sabonete ou tratamento especial. É necessário levar em consideração o tipo de pêlo do seu animal de estimação antes desse banho. Nos cães, em particular, isso tem um peso maior, já que algumas raças têm óleos essenciais que não devem ser lavados com água e sabão mais de uma ou duas vezes por ano. Se tomar banho contra pulgas não for uma opção para seu animal, consulte seu veterinário sobre outras alternativas.


Medicação Mensal

Existem comprimidos que impedem a reprodução das pulgas que podem ser tomados pelo seu animal mensalmente, mas, que não matam as que já atingiram a idade adulta. Também existem medicamentos e produtos multiuso que são indicados para prevenir a reprodução de pulgas, bem como controlar a dirofilariose, ancilostomídeos, tricurídeos e lombrigas.


As pulgas sempre existirão, mas com planejamento cuidadoso e tratamento adequado, elas não precisam se tornar um problema para você e seu animal de estimação.